Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.
Sincofarma SP

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Em crise, Ribeirão Preto confirma falta de 69 medicamentos na rede pública

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

2017-01-12 17:51:22

 

Secretário da Saúde culpa dívidas com fornecedores e licitações desertas.

Antibióticos e psicotrópicos estão entre remédios em falta nas 43 farmácias.

A família de Hermes de Souza Alves, de 29 anos, tem desembolsado em torno de R$ 150 por mês para comprar, quando consegue, o medicamento que o rapaz utiliza no tratamento contra depressão. O remédio é um dos 69 em falta na rede pública em Ribeirão Preto (SP).

Para uma renda mensal de R$ 1,6 mil, o valor faz a diferença, afirma o inspetor de alunos, e pai de Hermes, Luiz Carlos Alves. “A gente vai lá, eles falam que não chegou ainda, mandam ligar, ligar, a gente liga pra eles, eles falam que não chegou”, diz.

A situação de moradores como Alves se repete a cada visita de pacientes a uma das 43 farmácias municipais, que, diante da crise financeira enfrentada pela Prefeitura, estão sem 69 tipos de medicamentos para distribuição gratuita, segundo um levantamento divulgado pelo secretário municipal de Saúde, Sandro Scarpelini, esta semana.

Relação que inclui desde antibióticos como amoxicilina a remédios psicotrópicos (confira a lista completa no final da matéria). De acordo com ele, o problema é causado principalmente por dívidas com fornecedores herdadas da gestão passada e por 17 licitações desertas. “Quase 80% dessa falta ou se justifica pela falta de pagamento ou de interesse dos fornecedores”, afirma Scarpelini.

O G1 tentou falar com o ex-secretário municipal de Saúde, Stênio Miranda, mas não conseguiu um posicionamento nesta quarta-feira.

‘Eu não durmo’
Com transtorno bipolar, Hermes de Souza Alves depende de uma série de medicamentos diários, dentre os quais o ácido valpróico, um dos 69 que estão sem estoque nas farmácias municipais.

Quando sua família não consegue pegar de graça na unidade básica de saúde (UBS) da Vila Virgínia ou não consegue comprar o medicamento, ele relata enfrentar problemas em casa. “Eu não durmo, fico agitado. Não consigo fazer nada”, reclama.

Com transtorno bipolar, Hermes Alves (à esquerda) reclama da falta de antidepressivo na rede pública em Ribeirão Preto (Foto: Reprodução/EPTV)

Para tentar solucionar o problema de estoque, Scarpelini diz que a Prefeitura tenta renegociar contratos e dívidas, ao mesmo tempo em que tenta estimular os fornecedores a participar das licitações.

“Já estive ontem [segunda-feira] com o secretário da Fazenda e com o prefeito para discutir a necessidade de realinhar esses contratos pra poder, pelo menos essa parte que já temos licitação preparada, ter o fornecimento e renegociar com os fornecedores para que aceitem entrar nas próximas licitações.”

Veja a lista completa de 69 medicamentos em falta na rede pública de Ribeirão Preto:

Ác. Valpróico 250mg
Ác. Valpróico 500mg lib prol
Acetonido Fluocinolona + Polimixina B
Aciclovir 200mg
Aminofilina 100 mg
Amoxicilina + Clavulanato (1000 mg + 200 mg)
Amoxicilina + Clavulanato (50 mg + 12,5 mg/ml)
Anlodipina Besilato 5mg
Azitromicina 500mg
Carbonato de Lítio  300 mg
Carvedilol 12,5 mg
Carvedilol 6,25 mg
Cetoprofeno 100mg endovenoso
Ciprofloxacino 200 mg
Clomipramina 25mg
Clonazepam 2,5mg/ml
Clonazepam 2mg
Clonidina 0,15 mg
Domperidona 1mg/ml sol. oral – 100ml
Doxazosina 2 mg
Enoxaparina 40 mg
Eritromicina  2,5% –  suspensão
Eritromicina  500 mg
Espiranolactona 25mg
Estradiol 5 mg + Noretisterona 50 mg injetável
Estriol creme vaginal 1mg/g
Finasterida 5 mg
Gentamicina 80mg
Gliclazida 60MR
Haloperidol  1 mg
Hidróxido de Alumínio   6,2% susp.
Imipramina  25 mg
Levotiroxina 25 mcg
Loratadina 10mg
Losartana potássica 50 mg
Mebendazol  100 mg
Metoprolol 5mg
Metronidazol 250 mg
Metronidazol 4% – suspensão
Metronidazol geléia vaginal
Miconazol, Nitrato – Creme dermatológico
Midazolan  15 mg/mL – 3 mL
Naltrexona 50mg
Nistatina creme vaginal
Nitrazepam 5mg
Norepinefrina, hemitartarato 2mg/mL – solução injetável
Nortriptilina 25mg
Omeprazol 20mg
Paracetamol 500mg
Periciazina  1% – gotas – pediátrico
Periciazina  4% – gotas – adulto
Piridoxina 40mg – ( Vitamina B6 )
Pirimetamina 25mg
Prednisona   20 mg
Progesterona 200 mg
Retinol + Calciferol + Óxido de Zinco
Salbutamol gotas
Salbutamol spray oral
Sertralina 50mg
Sulfadiazina de prata creme 400G
Sulfametoxazol+Trimetoprima suspensão 0,8%
Tiabendazol  250 mg /5 mL –  suspensão
Tiamazol 5 mg
Tiamina 300mg (vit B1)
Tobramicina sol oftálmica 3 mg/mL
Tramadol 100mg (injetável)
Tramadol 50mg
Varfarina 5 mg
Vitamina Complexo B injetável

 

Do G1 Ribeirão e Franca

IA da Panvel facilita atendimento nas farmácias

Criada recentemente, a IA da Panvel começou a ser utilizada em cinco farmácias da rede em abril e já está presente em 400 lojas. O Serviço de Orientação Farmacêutica com Inteligência Artificial foi batizado como Sofia, e desenvolvido a partir dos modelos generativos ChatGPT, da OpenAI e Claude, da Anthropic.