Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.

Acessar

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Orientação Correta De Uso De Medicamentos É Feita De Detalhes

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

2017-08-25 13:00:08

 

A orientação aos pacientes não deve ser somente sobre o medicamento correto a ser escolhido, mas como ele deve ser tomado e como o corpo reage às pílulas em cada hora do dia. Quatro outras dicas podem ajudar o paciente a ter um tratamento mais eficaz:

  1. Não esmagar o comprimido

Ainda que triturar o medicamento para que seja mais fácil engolir seja uma prática comum, o Conselho Regional de Farmácia do Estado de São Paulo (CRF-SP) alerta que dividir, triturar ou dissolver medicamentos pode comprometer sua eficácia, principalmente os revestidos.

Isso porque os medicamentos possuem uma espécie de “cobertura” que protege o princípio ativo do ambiente ácido do estômago, liberando-o somente no intestino, para ser absorvido.

Esse é um dos motivos para levar a sério as recomendações do horário de tomar o remédio prescrito pelo médico. Mas além do horário, outras quatro dicas podem ajudar a melhorar a eficácia dos medicamentos.

  1. Não beber o medicamento com sucos ou chás

Para garantir que o fármaco faça o efeito desejado, é indicado ingeri-lo apenas com um copo (200 ml) de água. Tomá-los com bebidas com sabor, como sucos, chás, refrigerantes e bebidas alcoólicas, pode reduzir ou potencializar o efeito terapêutico do medicamento.

  1. Cuidado ao misturar medicamentos

Tomar medicamentos para diferentes fins ao mesmo tempo pode comprometer a eficácia do tratamento. Alguns antibióticos, por exemplo, podem comprometer a eficácia do anticoncepcional.

  1. Tomar medicamento vencido

Apesar de não fazer mal, os produtos fora de validade também não farão bem. A data de vencimento é calculada a partir de exaustivos testes feitos pelas próprias indústrias farmacêuticas, para comprovar sua eficácia.