Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Saúde compra R$ 392 milhões em remédios sem registro da Anvisa

Compra de remédios sem registro

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Compra de remédios sem registro – Pasta alega ter sido obrigada a buscar os produtos fora do país devido ao estoque escasso.

 

O Ministério da Saúde do governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) assinou contratos de R$ 392,2 milhões para comprar lotes de remédios sem registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de insulina e hemoglobina, segundo o jornal Folha de S. Paulo.

 

Leia também: Anadem defende acesso a genéricos e projetos de oferta de medicamentos

 

A pasta afirma ter sido obrigada a buscar os remédios fora do país devido ao estoque escasso e à dificuldade de comprá-los no mercado nacional. Diz ainda que exige que os produtos sejam certificados por agências reguladoras de outros países.

 

O governo Jair Bolsonaro (PL) também recorreu a compras de imonuglobina sem o registro da Anvisa. A agência concede os registros após avaliar estudos sobre segurança, qualidade e eficácia dos produtos.

 

Pacientes temem que o ministério repita erros em compras feitas com distribuidoras, ou seja, que não são firmadas diretamente com as farmacêuticas. Entre 2017 e 2018, a Saúde comprou medicamentos para doenças raras sem o aval da Anvisa e da fabricante. Os produtos nunca foram entregues pelas empresas contratadas.

 

 

Foto: Reprodução
Fonte: Guia da Farmácia