Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.
Sincofarma SP

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Faturamento do Ozempic é 3 vezes maior que segundo lugar em ranking

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

O faturamento do Ozempic, medicamento à base de semaglutida fabricado pela Novo Nordisk, segue o maior entre os remédios vendidos no Brasil. E a diferença para o Forxiga, da AstraZeneca, é notável. As informações são da Superinteresante.

 

Segundo a Close-Up International, o fármaco, que ganhou fama por sua indicação off-label para o emagrecimento, registrou R$ 3,42 bilhões em vendas no último ano. Em contrapartida, o tratamento para insuficiência cardíaca ou renal, que ficou na vice-liderança, vendeu “apenas” R$ 954 milhões.

Quando o assunto são as unidades comercializadas, o resultado é bem diferente.

 

Faturamento do Ozempic lidera, mas vendas ainda são baixas 

Apesar de movimentar mais de R$ 3 bilhões em 2023, o Ozempic ainda não deslanchou no país em volume. Neste ranking, o medicamento da Novo Nordisk ocupa apenas a quinta colocação.

 

 

Com 3,78 milhões de unidades comercializada em 2023, o medicamento ficou atrás do Glifage XR (Merck), Torsilax (Brainfarma), Puran T4 (Sanofi) e o próprio Forxiga.

 

 

Leia também: Efeitos colaterais do Ozempic: profissional fica “milionário”

 

Medicamento sofre com falsificações e ameaça de genéricos 

Por enquanto, a patente do Ozempic está protegida e a Novo Nordisk segue como a única fabricante do medicamento. A questão é que a concorrência não é o único problema.

A empresa de segurança cibernética BrandShield derrubou 279 sites de farmácias que anunciavam a venda de medicamentos falsos a base de semaglutida.

Em paralelo, aqui no Brasil, farmacêuticas como a Prati-Donaduzzi e a Biomm já se movimentam para trazer uma versão genérica do fármaco assim que for legalmente possível.

 

Foto: Freepik
Fonte: Panorama Farmacêutico

IA da Panvel facilita atendimento nas farmácias

Criada recentemente, a IA da Panvel começou a ser utilizada em cinco farmácias da rede em abril e já está presente em 400 lojas. O Serviço de Orientação Farmacêutica com Inteligência Artificial foi batizado como Sofia, e desenvolvido a partir dos modelos generativos ChatGPT, da OpenAI e Claude, da Anthropic.