Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Depressão pós-parto: EUA aprovam pílula para tratamento

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Segundo análise, o Zurzuvae foi mais eficaz do que outros antidepressivos

A FDA, agência reguladora de medicamentos dos EUA, aprovou pela primeira vez uma pílula para o tratamento da depressão pós-parto, uma condição que afeta milhões de mulheres em todo o mundo.

✏️O Ministério da Saúde explica que a depressão pós-parto é uma condição de profunda tristeza, desespero e falta de esperança que acontece logo após o parto. Ela traz inúmeras consequências ao vínculo da mãe com o bebê, sobretudo no que se refere ao aspecto afetivo.

Leia também: Deputados aprovam medicamentos para depressão no Farmácia Popular

O medicamento chamado Zurzuvae mostrou que age mais rapidamente do que outros antidepressivos e deve ser tomado por duas semanas. Os testes mostraram efeitos colaterais menos severos do que os de outros antidepressivos usados atualmente.

As pacientes que participaram do estudo estavam entre o terceiro trimestre de gestação até quatro semanas após o parto. Elas foram divididas em grupo placebo e grupo controle e monitoradas por pelo menos quatro semanas após o tratamento de 14 dias.

Entre os efeitos colaterais citados pela FDA estão: sonolência, tontura, diarreia, fadiga, resfriado e infecção do trato urinário. A droga pode causar dano fetal, por isso, as mulheres devem usar um método contraceptivo eficaz durante o tratamento e por uma semana após o uso da medicação.

 

Fonte: Guia da Farmácia
Foto: Reprodução