Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Curso neste sábado de Manipulação de Formas Farmacêuticas Semissólidas e Líquidas

Eficácia e segurança dos produtos farmacêuticos

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Capacitação essencial para garantir a eficácia e segurança dos produtos farmacêuticos. Sábado, das 9h às 15h.

 

Priscila Espózito é a responsável por ministrar o curso que acontecerá neste sábado, 28/10, de Formas Farmacêuticas Semissólidas e Líquidas. Além de conhecer as possibilidades de formas farmacêuticas semi-sólidas e líquidas na farmácia magistral, os alunos também irão ver os cálculos e equipamentos envolvidos, técnicas de manipulação, controle de qualidade e orientações para a dispensação.

 

Compreender as características, desafios e oportunidades das diferentes formas farmacêuticas é imprescindível para uma correta manipulação e desenvolvimento de novas fórmulas” diz a especialista em farmacologia ao ver como um dos principais objetivos deste curso.

 

As Farmácias de Manipulação no Brasil são autorizadas a produzir formas farmacêuticas, preparadas sob a responsabilidade de um profissional farmacêutico, seguindo todas as normas e exigências sanitárias. As formas farmacêuticas são as categorias da forma física em que os medicamentos se apresentam e podem ser divididas, visando a melhor administração para cada idade ou situação clínica, facilitando a terapêutica do paciente.

 

Leia também: Resolução que regulamenta atribuições do farmacêutico na manipulação de medicamentos foi publicada

 

As fórmulas abordadas neste curso e técnicas apresentadas são mais atuais, condizente com a realidade do mercado, indo além do estudado nas aulas da graduação.

 

As formas farmacêuticas podem ser sólidas, semissólidas, líquidas ou gasosas. Podem ser classificadas também pela via de administração do medicamento sendo parenteral, oral, oftálmica, retal, vaginal, cutânea, pulmonar, nasal, sublingual, entre outras.

 

“O setor magistral é muito dinâmico, novos tipos de prescrição estão sempre diante de nós e isso pode se transformar em dificuldade ou desafio para ser superado” considera Priscila.

 

 

ENTENDA SOBRE AS FORMULAS FARMACÊUTICAS QUE SERÃO ABORDAS NO CURSO

 

Formas farmacêuticas semissólidas de uso externo

Se apresentam em forma de géis, pomadas, cremes, pastas, loções, unguentos, emplasto, entre outros. Usadas para aplicação tópica em pele ou mucosas, de ação local do princípio ativo.

 

Emulsão

Preparação contendo duas fases no mínimo, dois líquidos imiscíveis, onde um líquido é derramado sob a forma de gotículas, caracterizando a etapa dispersa ou interna, por meio de outro líquido (etapa contínua ou externa). O produto é estabilizado por meio de agentes emulsificantes. De acordo com sua viscosidade pode ser classificada em cremes, loções ou leites.

 

 

Creme

É o resultado de uma emulsão constituída por uma etapa aquosa e outra lipofílica, ou seja, é feito de óleo e água. Por sua facilidade de dispersão no corpo, é indicada para extensões maiores de pele e são menos oleosas em relação às pomadas.

 

Pomadas   

São preparações onde o princípio ativo sólido é introduzido em uma base oleosa e são empregados para uso externo que derretem ou se dissolvem ao entrar em contato com a temperatura corpórea.

 

Pastas

Produtos com consistências mais espessas, firmes e macias devido à utilização de uma concentração maior de sólidos em relação às demais formas semissólidas. Recomendados para aplicação externa no tecido tegumentar, possuem grande potencial de absorção de exsudatos e água, e são soluções pouco oleosas.

 

Géis

Preparados onde a base é a água e não possuem óleo em sua composição. Além dos ingredientes ativos e excipientes, possuem um agente geleificante para permitir a viscosidade do produto.

 

 

Formas farmacêuticas líquidas

As formas farmacêuticas líquidas de uso externo podem ser divididas em soluções, extratos, tinturas, produtos destinados a limpeza da pele, entre outros.

Produtos destinados a limpeza da pele e mucosas: shampoos, sabonetes, águas faciais, tônicos etc.

 

Soluções

Forma farmacêutica onde substâncias (soluto) são dissolvidas em uma determinada quantia de solvente.

 

Tinturas

Preparados que resultam de ingredientes ativos retirados de vegetais ou animais. São preparadas por maceração, onde o material vegetal é triturado ou macerado e se une com o solvente, ou por percolação, extraindo assim o princípio ativo.

 

Para finalizar as considerações, Priscila Esposito conta que

“O segredo está em entender o propósito da fórmula farmacêutica, compreender sua estrutura, depois somente adaptar para as necessidades do dia a dia.”

Conheça mais sobre a Ministrante:

PRISCILA ESPÓZITO

  • Farmacêutica Bioquímica graduada pela Universidade São Judas Tadeu;
  • Especialista em Farmacologia Clínica pelo IPH e em Farmácia Magistral pelo Instituto Racine;
  • Cursos livres em diversas áreas da farmácia como atenção farmacêutica, cosmetologia e fitoterapia;
  • Atuação na área magistral desde 2002 como responsável técnica em estabelecimentos com ênfase no atendimento clínico aos pacientes na farmácia em áreas como homeopatia, nutracêuticos e fitoterapia.

As inscrições ainda estão abertas!

 

 

Foto: Reprodução
Fonte: Ibapcursos
Eficácia e segurança dos produtos farmacêuticos