Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.
Sincofarma SP

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

UE investiga AliExpress por venda de medicamentos falsificados

Investigação contra o AliExpress pela suspeita de venda de medicamentos falsificados

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

A União Europeia (UE) abriu nesta segunda-feira, dia 6, uma investigação contra o AliExpress pela suspeita de venda de medicamentos falsificados e produtos ilegais. As informações são da AFP/ O Dia.

 

A Comissão Europeia informou que enviou um pedido legal por mais informações à AliExpress, filial do gigante chinês Alibaba, para proteger os consumidores, em conformidade com a nova Legislação Europeia de Serviços Digitais (DSA, na sigla em inglês) que entrou em vigor em agosto.

 

Leia também: Anvisa alerta sobre lotes falsificados de dois medicamentos

 

O executivo europeu afirmou querer saber como a empresa “vai cumprir as obrigações relacionadas com as avaliações de risco e as medidas de mitigação para proteger os consumidores online, em particular no que diz respeito à difusão de produtos ilegais online, como medicamentos falsos”. A varejista de comércio online tem até 27 de novembro para responder à solicitação.

 

Investigação contra o AliExpress pela suspeita de venda de medicamentos falsificadosInvestigação contra o AliExpress pela suspeita de venda de medicamentos falsificados

 

Medida visa garantir a retirada de medicamentos falsificados do mercado

Thierry Breton, comissário europeu para o Mercado Interno, ressaltou que a DSA também tem como objetivo “garantir a retirada de produtos ilegais, ou inseguros, vendidos na UE por meio de plataformas de comércio eletrônico, incluindo o número crescente de medicamentos e produtos farmacêuticos falsos e potencialmente perigosos”.

 

A Agência Europeia de Medicamentos (EMA) advertiu, na semana passada, que circulam nos países do bloco injeções falsas de Ozempic, medicamento da Novo Nordisk para diabetes que se tornou muito popular para a perda de peso.

 

 

Foto: Reprodução
Fonte: Panorama Farmacêutico
IA da Panvel facilita atendimento nas farmácias

Criada recentemente, a IA da Panvel começou a ser utilizada em cinco farmácias da rede em abril e já está presente em 400 lojas. O Serviço de Orientação Farmacêutica com Inteligência Artificial foi batizado como Sofia, e desenvolvido a partir dos modelos generativos ChatGPT, da OpenAI e Claude, da Anthropic.