Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.
Sincofarma SP

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Quatro em dez brasileiros compram artigos de perfumaria em farmácias

Layout dos produtos da perfumaria

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Como deve ser realizado o layout dos produtos da perfumaria na farmácia pode ser visto no curso “Perfumaria, Precificação, Mix de Produtos e Layout Funcional. Turmas já em Janeiro 2024 .Inscreva-se!! Inscreva-se em nosso curso, dia 27/01!

 

Segundo pesquisa do SBVC e do Instituto Qualibest, 92% compram itens de perfumaria pelo menos mensalmente em farmácias e drogarias.

 

As farmácias e drogarias são os principais canais de compra de artigos de perfumaria dos brasileiros. Segundo o estudo “Jornada de compra do consumidor omnichannel – farmácias e drogarias”, desenvolvido pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC) em parceria com o Instituto Qualibest, esses locais são os preferidos por 41% dos consumidores, enquanto 23% compram em lojas especializadas e 12%, em supermercados.

 

Leia também: Bulas impressas de medicamentos devem ser mantidas pelas dificuldades de acesso à internet no Brasil

 

Segundo o estudo, 92% dos entrevistados compram medicamentos ou itens de perfumaria pelo menos mensalmente em farmácias e drogarias, sendo que 34% o fazem no mínimo uma vez por semana.

 

Habituados às facilidades do varejo digital, os consumidores têm desenvolvido uma jornada de compras híbrida, utilizando lojas físicas, aplicativos, sites e marketplaces de acordo com a sua conveniência: 93% dos entrevistados costumam pesquisar antes de comprar medicamentos ou itens de perfumaria. O levantamento indica que 41% das pesquisas são feitas em sites de busca, 24% nos sites das redes de farmácias e apenas 12% nas lojas físicas.

 

Layout dos produtos da perfumaria
Layout dos produtos da perfumaria

 

“As farmácias e drogarias têm uma vocação de conveniência e proximidade, e esse é um ativo que pode ser bem trabalhado pelas empresas em uma jornada omnichannel”, afirma Eduardo Terra, presidente da SBVC.

 

A maioria das compras de perfumaria, porém, se dá de forma planejada: apenas 8% dos entrevistados afirmam comprar por impulso. Nesse planejamento, 48% pesquisam o produto desejado e compram no site considerado mais confiável, enquanto 45% priorizam preço. Mas essa é uma compra híbrida: 42% vão a uma loja física específica, pois sabem que lá encontram o que precisam.

 

“Os números mostram que o consumidor, mesmo em compras planejadas, busca conveniência, preço e experiência e pode estar aberto a compras por impulso, dependendo do esforço promocional das marcas e do fit com seu momento de compra”, afirma Terra.

                                   

 

                                                       

 

 

 
 

PERFUMARIA: PRECIFICAÇÃO, MIX DE PRODUTOS E LAYOUT FUNCIONAL

 
Descoberta e conhecimento de produtos, importância da correta exposição, visando facilitar o acesso e impulsionar as vendas de forma mais rápida e objetiva.

 

 

Tópicos abordados
  • Conceitos da organização;
  • Setorização das marcas;
  • Mix de produtos;
  • Precificação;
  • Tendências
  • E simulação na Farmácia Escola do Sincofarma!

 

Investimento

Associado: R$ 33,00
Não Associado: R$ 110,00
Meia Estudante: R$ 55,00
Boleto ou cartão à vista.

 

Programação
  • 08:30 – Credenciamento e Café de Boas Vindas
  • 09:00 – Início do Curso – Parte Teórica
  • 12:00 – Brunch
  • 12:40 – Parte Prática
  • 14:45 – Prova
  • 15:00 – Encerramento

 

 

Foto: Shutterstock
Fonte: Guia da Farmácia
Chiesi introduz bulas digitais em medicamentos da marca

A biofarmacêutica de origem italiana Chiesi anunciou o lançamento de uma página inteiramente dedicada às bulas digitais. A companhia, especializada em soluções terapêuticas de saúde respiratória e doenças raras, investiu em iniciativas para reforçar inclusão e acessibilidade do grupo.

IA da Panvel facilita atendimento nas farmácias

Criada recentemente, a IA da Panvel começou a ser utilizada em cinco farmácias da rede em abril e já está presente em 400 lojas. O Serviço de Orientação Farmacêutica com Inteligência Artificial foi batizado como Sofia, e desenvolvido a partir dos modelos generativos ChatGPT, da OpenAI e Claude, da Anthropic.