Sincofarma SP

Pesquisar
Close this search box.

Associado

Menu

 
 

ASSOCIE-SE:

Quais Vacinas são importantes para quem tem mais de 50 anos.

Compartilhe:

Facebook
LinkedIn
WhatsApp

Farmácias que prestam serviço e desejam implementar Vacinação em seus estabelecimentos, devem participar do Programa de Formação e Habilitação em Vacinação para Farmacêuticos com cursos no Sincofarma

 

O curso de Vacinação desenvolve habilidades técnicas para planejar, implantar e executar a aplicação de vacinas em farmácias. Próximas turmas acontecem já este mês, dias 26 e 27 de abril, no auditório e consultório do Sincofarma SP.

Hoje foi dia de PCMSO – Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional na sede do Sincofarma, e o médico responsável da BFA Medicina do Trabalho, durante o seu atendimento, conversou sobre a importância das vacinas para pessoas com mais de 50 anos.

Dr. Amilton Casado, contou que esteve presente em uma palestra na Loja União, Liberdade e Justiça, com a Dra. Juliana Oliveira da Silva, coordenadora do Serviço de Controle de Infecção Hospitalar e do Centro de Vacinação do Hcor. O médico da Medicina de Trabalho do Sincofarma fala sobre o destaque da recomendação das vacinas para indivíduos acima dos 50 anos

 

“Atualmente, existem vacinas específicas para pessoas acima de 50 anos, como a contra a Herpes Zoster recombinante, que leva em consideração os riscos que a população nessa faixa etária tem para o desenvolvimento da doença. Além dela, há a indicação da vacina Influenza tetravalente de alta concentração que também é indicada para pessoas com mais de 60 anos, que possui uma quantidade maior de antígenos necessária para melhor resposta imune” diz dr. Amilton.

 

Dr. Amilton Casado medico do PCMSO do Sincofarma SP

 

Recentemente foi incorporada a vacina HPV nonavalente, que traz proteção contra diversos tipos de cânceres, como o de colo de útero, vagina, pênis e de orofaringe, para quem tem um pouco menos de 50 anos, ou seja, homens e mulheres até 45 anos.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), entre 2 e 3 milhões de mortes podem ser evitadas anualmente com o calendário vacinal completo. A vacinação é a maneira mais eficiente e segura de prevenir infecções e complicações de doenças de base.

 

Vacinas recomendadas como rotina

Dr. Amilton lista as vacinas que a coordenadora do Hcor apresentou como as mais recomendadas para indivíduos com mais de 50 anos:

1) Influenza e trivalente, quadrivalente e quadrivalente concentrada.

2) COVID anual bivalente – Pfizer.

3) Pneumocócica – P10; P13; P15 e P23.

4) Coqueluche (DPT).

5) Herpes Zoster – duas doses.

6) Hepatite B.

7) Tríplice Viral- SCR.

8) Febre Amarela.

9) HPV- mulheres não vacinadas anteriormente.

 

“Procure seu médico e atualize sua Carteira de Vacinação. As vacinas podem serem tomadas concomitantemente. Vacinas não devem serem aplicadas por profissionais capacitados e habilitados” orienta o médico da BFA responsável pelo PCMSO do Sincofarma.

 

Curso de capacitação para Farmacêuticos para Vacinação

A vacinação em farmácias é uma prática amparada por legislação específica. O governo federal sancionou a Lei nº 14.675/2023, publicada no Diário Oficial da União desde setembro do ano passado.  Pela norma, os farmacêuticos estão habilitados a aplicar imunizações no PDV, sem risco de penalidades por parte das autoridades de vigilância sanitária.

 

 
Prática da última turma do curso de Vacinação do Sincofarma

 

Para capacitar os profissionais das farmácias e drogarias, o Sincofarma dispõe do curso do Programa de Formação e Habilitação de Vacinação para Farmacêuticos, com a chancela do ICTQ – Instituto de Ciências e Tecnologia, conforme a resolução 654/2018 do CFF e do credenciamento no MEC.

 

Leia também https://sincofarmasp.com.br/2023/09/20/nova-lei-da-aval-para-vacinacao-em-farmacias/

 

 

O curso de Vacinação cumpre todos os requisitos exigidos pelo CFF com 40 horas de atividades, divididas em 20 horas na modalidade presencial (2 dias) e 20 horas a distância (EaD), reunindo as principais informações para possibilitar o desenvolvimento de competências necessárias à prestação de serviços de vacinação. Após o recebimento do certificado, o profissional deverá entregar ao Conselho Regional Farmacêutico para a devida Habilitação da Capacitação. 

 

Próxima turma dias 26 e 27 de abril. Inscreva-se e saiba mais sobre o curso em:

CLIQUE AQUI

  • Associado Sincofarma: R$ 275,00
  • Não Associado: R$ 550,00
  • Boleto ou pix à vista, cartão de crédito em até 3x sem juros

 

Incluso no valor do curso:

Apostila, Materiais da parte prática, Café de Boas-vindas e Coffee Break, Certificado com chancela ICTQ .

 

 

Dr. Klauber Penaforte professor do curso de Vacinação

 

Programa dos 2 dias de curso

  • 08:00 – Credenciamento e Coffee Break boas vindas
  • 08:30 – Início do Curso
  • 10:00 – Coffee Break
  • 12:00 – Almoço (Não incluso no curso)
  • 13:00 – Retorno para o curso
  • 17:00 – Encerramento

 

São apresentados Módulos:

– Fundamentos

– Vacinas

– Doenças Imonupreviníveis

– Seguranças

 

Fontes: Revista Hospitalar  e Gov.br
Créditos: Angélica Saldeira – jornalista Sincofarma SP